Microbiota: o que é, pra que serve e como manter ela saudável?

Microbiota: o que é, pra que serve e como manter ela saudável?

Spoiler: a microbiota é essencial pro funcionamento do nosso corpo! 

Falar em microbiota pode até parecer um papo técnico, mas a realidade é que entender sobre esse tema é essencial pra cuidar direitinho do seu cabelo, da sua pele e até das suas axilas - sim! O nosso corpo tem mais de 3 mil tipos de microorganismos que são essenciais pro funcionamento de tudo, desde a nossa digestão até a manutenção da oleosidade da pele. 

Cheguei por aqui pra te ajudar a entender o que é a microbiota, pra que ela serve no nosso corpo e como cuidar dela daquele jeitinho prático e simplificado que você só encontra por aqui. Vem!

Índice

O que é microbiota da pele e pra que ela serve?

A microbiota é um conjunto de microrganismos vivos, como bactérias, fungos e vírus, que ajudam a manter a saúde e o pH da pele em equilíbrio. Ela também é responsável por proteger a pele e combater outros microrganismos não-naturais de cada região, ajudando a afastar alergias, infecções, doenças e até ressecamento e sensibilidade. Se a microbiota fica desequilibrada, a barreira de proteção natural fica frágil e deixa a pele mais suscetível à acne, descamação, dermatite e vários outros problemas.

Mulher olhando no espelho colocando o cabelo atrás da orelha

Qual a importância da microbiota pra saúde?

Você sabia que a pele é considerada a primeira barreira imunológica do organismo humano? E tem uma parte específica dela que é ainda mais importante nesse processo de defesa: o estrato córneo. Essa é a camada mais externa da pele e, ao contrário do que muita gente acha, ela não é composta apenas por células mortas. Muito mais do que uma barreira de proteção física, essa região pode ser considerada uma barreira biológica já que nela está grande parte dos microorganismos que compõem a microbiota da pele.

Já adiantei um pouco no comecinho do post que a microbiota é responsável por defender a pele de microorganismos externos, além de também agir na manutenção dos processos naturais da pele, como a oleosidade. Isso tudo torna ela uma peça importante do sistema imune humano. Mas um ponto de atenção pra se manter em mente é que essa microbiota pode ser ameaçada por fatores externos e com as mudanças constantes no nosso ambiente, causadas pela poluição e químicos que ingerimos, por exemplo, ela está diariamente ameaçada. 

Como saber se a minha microbiota está desequilibrada?

Caso surja vermelhidão, coceira, acne e quaisquer outros fatores físicos incomuns na sua pele, que não tenham sido causados de forma direta (como queimaduras e exposição excessiva ao sol) provavelmente a sua microbiota está precisando de uma manutenção. Como ela é a responsável por manter a sua pele dentro do seu normal (sendo ela seca, oleosa ou equilibrada), o reequilíbrio da microbiota pode ser um dos fatores que ajudará a pele a voltar a ficar saudável.

Leia também: Cuidados com a saúde íntima durante o verão.

Mulher de toalha olhando para as axilas

Microbiota da pele: couro cabeludo x rosto x corpo x axila x íntimo.

Tá, agora chegamos num momento crucial desse post: entender que cada região tem sua microbiota própria. Pode até parecer meio estranho, mas no couro cabeludo temos um tipo de microbiota, no rosto já temos outra e assim por diante. E, particularmente, eu acho muito legal pensar como nosso corpo é inteligente e faz essa regulação quase exata entre uma parte e outra.

No couro cabeludo, a microbiota natural é responsável por produzir aminoácidos, vitaminas e nutrientes que estimulam o crescimento e a proteção dos fios, enquanto também se alimenta do sebo e das células mortas que se acumulam na região. Quando a microbiota está em desequilíbrio, o couro cabeludo pode apresentar inflamação, queda capilar, caspa e/ou descamação em excesso, redução do crescimento dos fios, coceira, irritação e outros problemas.

Já quando falamos de pele, o fator que mais muda entre uma região e outra é o pH ideal pra manter esses microorganismos em funcionamento e a pele saudável, sem oleosidade ou ressecamento em excesso, por exemplo. No rosto, por exemplo, o pH ideal pra um produto que limpa a região é entre 5,5 e 6,5, assim não alteramos a acidez natural e evitamos irritações, vermelhidões e até o surgimento de acne. O que já é completamente diferente da região íntima, que precisa de um pH de 4,5, bastante ácido, mas ideal pra manter a flora saudável.

Falando em região íntima, a microbiota dessa região tem ainda a função de evitar doenças, como a candidíase e a vaginose bacteriana. Ambas são causadas por disfunções no microbioma íntimo, o que dá abertura pra que fungos e bactérias impróprios se proliferem e causem incômodos. O que é bastante semelhante às axilas que possuem uma microbiota que, quando desregulada, causa odores desagradáveis em excesso. Sim: os cheiros ruins nas axilas não são causados pelo suor e sim por bactérias!

Leia mais: Microbiota da axila: informações para ter sempre debaixo do braço.

Como cuidar da microbiota de cada região.

Cuidar da microbiota da sua pele é muito mais simples do que parece: você precisa apenas manter ela equilibrada, limpa e hidratada. E pra fazer isso você precisa de produtos que estão alinhados com as necessidades de cada região do seu corpo e se forem compostos apenas por ingredientes naturais e limpos, melhor ainda.

Couro cabeludo saudável: equilibre a limpeza profunda com ativos que ajudem na manutenção da hidratação natural da região. 

Vem de B.O.B: Shampoo Detox, Shampoo Matizante e Shampoo Purificante.

Pele do rosto saudável: identifique se você tem a pele mais oleosa, seca ou equilibrada e aposte em produtos que tragam o nível de limpeza ideal pra ela, sem agredir ou prejudicar a produção natural de oleosidade. 

Homem passando a Barra Facial para Peles Equilibradas B.O.B no rosto

Vem de B.O.B: Barras de Limpeza Facial Pele Oleosa e Pele Equilibrada.

Pele do corpo saudável: nada de sabonetes que matam 99% das bactérias, como já deu pra entender, as bactérias podem ser essenciais pro funcionamento da sua pele. Aposte em sabonetes de limpeza equilibrada.

Vem de B.O.B: Sabonetes em Barra Green Clay e Black Clay.

Axilas saudáveis: os antitranspirantes e desodorantes comuns geralmente não atingem a causa do mau cheiro: o desequilíbrio das bactérias da pele. 

Vem de B.O.B: Desodorantes em Barra B.O.B Deo

Região íntima saudável: limpeza suave equilibrada com o pH natural da região e livre de perfumes exagerados.

Vem de B.O.B: Sabonete íntimo em barra BO.B Íntimo 

Viu como é simples cuidar da microbiota da sua pele? É só apostar em produtinhos que trazem apenas o essencial: ingredientes naturais de alta performance que estão alinhados com as necessidades de cada região do seu corpo. E pra isso, minhas barrinhas são perfeitas, né?

Me conta aqui nos comentários se você já sabia tudo isso sobre a microbiota da sua pele e nos vemos no próximo post. 

 

Compartilhe no Linkedin

Deixe um comentário

meus produtos

promoção
promoção
ver todos os produtos