Coceira nas axilas

Coceira nas axilas depois da depilação? Ai!

Ninguém merece lidar com coceira nas axilas, né? Por ser um local que sofre muito com a fricção das roupas, ficar com qualquer desconforto nessa região se torna ainda mais incômodo do que em outras partes do corpo. Quando falamos de depilação, então! Só quem prefere ficar com a região sem pelinhos sabe como o processo pode ser irritante pra pele, seja através do uso de lâminas ou com a clássica cera. E você sabia que até o desodorante que você usa pode estar agravando (ou ser a causa mesmo) dessa coceira nas axilas depois da depilação?

Nada de pânico, existe uma série de cuidados básicos diários que vão te ajudar a reduzir e até acabar com a coceira nas axilas, e hoje eu trouxe uma lista com vários pra ajudar você a deixar a pele dessa região mais saudável. Vem comigo!

Índice

  • O que pode causar a coceira nas axilas? 

    • Como a depilação afeta a pele das axilas.

    • Cuidados pré e pós-depilação.

  • Como tratar a coceira nas axilas?

  • Desodorantes podem causar coceira nas axilas?

    • Ingredientes dos desodorantes que podem causar irritação.

    • Como escolher o melhor desodorante?


O que pode causar a coceira nas axilas?

Sentir aquela coceirinha nas axilas é uma das experiências mais chatas que podemos ter com o nosso corpo e ela pode ser causada por vários fatores. Um dos mais comuns é a irritação depois da depilação. Temos que considerar que a pele das axilas já é bastante sensível e a remoção de pelos agride a pele, mesmo que minimamente. Por isso, esse processo pode trazer irritação, inflamação e até a foliculite. E isso vale pra todos os tipos de depilação, tá? Desde as ceras até as lâminas e cremes, tudo isso causa microlesões na pele que pode trazer coceira e desconforto.

Outra causa bem comum é o uso de alguns tipos de desodorantes e antitranspirantes, principalmente os que contêm ingredientes irritantes. Produtos com álcool, fragrâncias artificiais, parabenos e alumínio podem desencadear reações alérgicas ou irritações na pele sensível das axilas, já que esses ingredientes são conhecidos por ressecar bastante a pele. Além disso, condições médicas como dermatite de contato, infecções fúngicas e hiperidrose (excesso de suor) também podem contribuir pra coceira nas axilas. 

Leia também: O que causa a mancha nas axilas e como prevenir esse problema?

Como a depilação afeta a pele das axilas.

Como eu falei, independente do tipo de depilação, todas elas causam alguma lesão na pele. Essas microlesões que podem trazer irritações, vermelhidão e, eventualmente, coceira. Além disso, a depilação frequente acaba removendo a camada protetora de células mortas, deixando a pele mais exposta e vulnerável a agressões externas.

Outro efeito bem comum da depilação é a inflamação dos folículos pilosos, mais conhecida como foliculite. Quando o pelo é removido, principalmente de formas traumáticas, como com cera ou lâminas, os folículos podem ficar irritados e inflamados, resultando em pequenas pústulas e coceira. A foliculite pode piorar com o uso de roupas apertadas que aumentam a fricção e a transpiração na área, criando um ambiente propício pra proliferação de bactérias.

Cuidados pré e pós-depilação.

Sim, dá pra evitar os efeitos negativos da depilação nas axilas e pra isso você só precisa adotar alguns hábitos diários simples antes e depois de remover os pelos. O mais legal dessas dicas é que elas podem ser replicadas pra depilação em qualquer parte do corpo! Ah, importante dizer que: caso a irritação e outros incômodos persistam, procure por um médico dermatologista, tá? Só ele vai poder entender melhor a causa da sua coceira nas axilas e te indicar o melhor tratamento. Agora, separa o bloquinho e anota aí:

Cuidados pré-depilação:

  • Esfoliação: esfolie a pele um ou dois dias antes da depilação pra remover células mortas e evitar pelos encravados.
  • Hidratação: mantenha a pele bem hidratada nos dias que antecedem a depilação, mas evite aplicar cremes ou óleos no dia do procedimento. Aqui também vale tomar muita água!
  • Limpeza: a pele precisa estar limpa e seca antes da depilação pra evitar infecções.
  • Teste de sensibilidade: sempre que for usar um novo método ou produto depilatório, faça um teste de sensibilidade em uma pequena área da pele pra evitar reações alérgicas.

Cuidados pós-depilação

  • Limpeza e hidratação: use sabonetes suaves que limpam e tratam a pele, e mantenha a rotina de hidratação da região. 
  • Evitar exposição ao sol: proteja a área depilada do sol por pelo menos 24 horas pra evitar manchas e irritações.
  • Roupas confortáveis: prefira roupas largas e de tecidos naturais pra minimizar o atrito e permitir que a pele respire.
  • Evitar produtos químicos: evite usar qualquer produto com álcool e alumínio na área depilada.
  • Compressas frias: as compressas frias (ou gelo envolto em um pano) reduzem a vermelhidão e o inchaço.
  • Evitar banhos quentes: prefira banhos mornos ou frios nas primeiras 24 horas após a depilação pra não irritar ainda mais a pele.

Leia mais: Microbiota da axila: informações para ter sempre debaixo do braço.


Como tratar a coceira nas axilas?

Antes de eu te contar alguns dos tratamentos pra coceira nas axilas, é importante dizer que é muito importante buscar a orientação de um médico pra um diagnóstico preciso e um tratamento adequado. A automedicação pode aliviar temporariamente os sintomas, mas se você não tiver certeza da causa, o problema pode persistir ou até piorar, além de poder trazer outros danos pra sua saúde. Um acompanhamento médico garante que a coceira seja tratada de forma eficaz e segura. Agora, dá uma olhadinha nos tratamentos mais comuns pra você manter em mente na hora de buscar a ajuda médica:

  • Higiene adequada: pode parecer óbvio, mas manter as axilas limpas e secas é fundamental pra recuperar a saúde dela. Lave a área com um sabonete suave e seque bem após o banho pra prevenir irritações e infecções.
  • Antihistamínicos: em casos de coceira causada por reações alérgicas, medicamentos antihistamínicos podem ser recomendados pelo médico.
  • Corticosteróides: cremes ou pomadas à base de corticosteróides podem ser prescritos pra reduzir a inflamação e a coceira.
  • Antifúngicos ou antibacterianos: se a coceira for causada por infecções fúngicas ou bacterianas, o uso de cremes antifúngicos ou antibacterianos pode ser necessário.

Desodorantes podem causar coceira nas axilas?

Que os desodorantes são produtos essenciais na rotina de higiene pessoal, a gente já sabe, né? Só que os tipos mais comuns que a gente encontra no mercado podem ser a causa de irritações, alergias e coceiras nas axilas. Esses sintomas podem ser resultado de uma reação alérgica ou irritativa aos ingredientes presentes no desodorante. 

Pessoas com pele sensível ou com histórico de alergias são mais suscetíveis a sentir  esses efeitos. Além disso, usar desodorantes sintéticos logo depois da depilação, quando a pele está mais vulnerável, pode aumentar a probabilidade de irritação. Por isso, o melhor caminho é sempre optar por fórmulas mais naturais que vão impedir os maus odores e cuidar da sua pele ao mesmo tempo.

Ingredientes dos desodorantes que podem causar irritação.

Como eu citei no tópico anterior, alguns ingredientes comuns usados nos desodorantes e antitranspirantes sintéticos podem causar irritação na pele, especialmente em pessoas com sensibilidades ou alergias. Conhecer esses componentes pode te ajudar na hora de escolher o seu desodorante e evitar aqueles que trazem riscos pra saúde da sua pele. Olha só:

  • Alumínio: um dos ingredientes mais usados nos  antitranspirantes é usado pra bloquear temporariamente as glândulas sudoríparas. A longo prazo, isso pode trazer vários danos pra pele, além de não tratar realmente o problema dos maus odores. Além disso, ele ainda pode causar irritação e reações alérgicas.
  • Parabenos: usados como conservantes, eles podem desencadear alergias e irritações na pele.
  • Fragrâncias: fragrâncias sintéticas são uma das principais causadoras de alergias na pele.
  • Álcool: por ter propriedades bactericidas, o álcool é bastante usado em produtos de higiene, só que ele resseca e irrita a pele.
  • Triclosan: esse agente antibacteriano pode causar dermatite de contato, além de poder causar o efeito contrário ao que se propõe: a longo prazo, as bactérias se tornam resistentes a ele, deixando elas ainda mais fortes.
  • Propilenoglicol: agente umectante que pode causar reações adversas em pessoas com pele sensível.
  • Petrolato: pode obstruir os poros e causar irritação na pele.

Leia também: Você sabia? Transpirar é essencial pras nossas axilas!


Como escolher o melhor desodorante?

Como já deu pra perceber, usar desodorantes naturais é a melhor rota pra quem quer evitar a coceira nas axilas e outras irritações. Esses desodorantes geralmente evitam o uso de substâncias químicas agressivas, como alumínio, parabenos e fragrâncias sintéticas. Ao invés disso, trazem ingredientes naturais que neutralizam o odor e absorvem a umidade sem bloquear as glândulas sudoríparas, e ainda hidratam e nutrem a pele da região.

Justamente por esses desodorantes terem ingredientes ultra hidratantes e nutritivos, eles são perfeitos pra usar até depois da depilação. Nesse momento a pele está super sensível e precisa recuperar a sua camada de hidratação e proteção natural que perdeu com as microlesões da depilação. Ingredientes como óleo de coco, manteiga de karité e óleos essenciais são super comuns nessas fórmulas naturais e vão ajudar a restaurar a saúde da pele. 

E a minha linha de desodorantes naturais e em barra pode ser justamente o que você está buscando! Eles agem diretamente contra as bactérias causadoras dos maus odores, reequilibrando o pH da região e permitindo que seu corpo transpire naturalmente. Além disso, eles são totalmente livres de alumínio, parabenos, petrolatos, triclosan e plástico, deixando sua rotina mais sustentável e cuidando de verdade da sua pele.

Vem ver mais das minhas fórmulas:

  • Desodorante Intensivo: alta proteção contra maus odores e o suor excessivo. Traz a Prata na fórmula pra fazer uma proteção de longa duração.
  • Desodorante Refrescante: textura macia, confortável de aplicar e com alta proteção, ainda nutre e hidrata a pele das axilas. O único da linha com Bicarbonato de Sódio.

  • Desodorante Purificante: faz um detox na pele, absorvendo a oleosidade excessiva. Traz o Carvão Ativado pra deixar a pele livre de impurezas e toxinas.
  • Além disso, toda a linha conta com Manteiga de Karité, Cera De Candelilla e Óleo De Coco na fórmula, o que garante hidratação e nutrição pra pele das suas axilas. Tá esperando o que pra dizer adeus pros antitranspirantes comuns e adotar uma rotina mais equilibrada e consciente?

    Compartilhe no Linkedin

    Deixe um comentário

    ver todos os produtos