Esfoliante para o rosto: entenda essa etapa essencial do skincare

Já falamos em nosso blog sobre como o cuidado com nossa pele é importante: ela é, afinal, o maior órgão de nosso corpo. Ao tocar nesse assunto, você provavelmente já está pensando na aplicação de cremes, hidratantes, séruns, loções e outros, acertamos?

Não há nada de errado com isso, claro: são cuidados pessoais importantíssimos que você pode ter com sua pele. Mas, hoje, queremos lembrar de uma etapa do skincare que quase sempre acaba sendo esquecida por muita gente em meio à agitação que vivemos: sim, estamos falando dela, a esfoliação.

A esfoliação é muito importante para remover células mortas e impurezas de nossa pele, promovendo uma renovação do tecido e ajudando a manter a saúde e um visual bem cuidado.

Ela pode ser aplicada em diversas regiões do corpo mas, em especial, a esfoliação facial precisa ser incluída em seu ritual contínuo de autocuidado e beleza. Para mostrar como é importante esfoliar o rosto, nosso artigo vai ajudar você a descobrir qual é o melhor esfoliante para o rosto e até mesmo como fazer esfoliante caseiro para o rosto ou encontrar o esfoliante mais indicado para você.

Índice

Esfoliação e Skincare

O cuidado com a sua pele (o famoso skincare) vai muito além de uma mera prática estética. Tratar a pele com carinho e atenção é um investimento em sua saúde e, por isso, deve ser feito com a devida dedicação.

Quando se fala em skincare, existem muitas recomendações das principais etapas previstas e da ordem em que devem ser feitas. A esfoliação do rosto é uma delas, e costuma aparecer bem no início do processo, logo após a limpeza.

Ela deve ser feita de forma suave, sem muita força ou pressão sobre a pele, em movimentos circulares que atuam esfoliando a camada superficial da derme e, ao mesmo tempo, massageiam a região. Feita a esfoliação, a pele está preparada para os próximos passos do seu skincare, que podem incluir ações de tonificação, tratamentos específicos, hidratação e proteção solar, entre outras.

Mas, como, exatamente, a esfoliação contribui para o cuidado com a saúde da sua pele e com um resultado visual sensível? 

 

 esfoliante facial

 

Por que esfoliar a pele?

Ter uma pele do rosto bonita, sem manchas e bem lisinha, com aquela textura suave, é o desejo de muita gente. E para chegar a esse resultado, além de outros cuidados importantes, realizar a esfoliação facial é essencial, sabia?

A função da esfoliação é eliminar as células mortas de nossa pele que continuam por ali, estimulando a renovação celular da região e ajudando o tecido a “respirar”. O resultado é uma pele iluminada e com visual mais homogêneo.

Além disso, utilizar um esfoliante para o rosto ajuda a remover o excesso de sebo nos poros: isso controla a oleosidade e evita o aparecimento dos cravos e da temida acne, regulando a produção de gordura e mantendo a pele sempre saudável e macia ao toque.

Tem mais: como efeito paralelo, a esfoliação da pele também aumenta a capacidade de absorção dos cosméticos, deixando a pele preparada para receber a aplicação de cremes e outros tratamentos dermatológicos.

 

Pele Oleosa

Você já percebeu que não dá para falar sobre esfoliante para o rosto e limpeza facial sem falar sobre pele oleosa: afinal, o rosto é uma das regiões do nosso corpo mais propensas à produção excessiva e ao acúmulo de oleosidade. E, é claro, isso pode se tornar um problema.

A dermatologia divide os tipos de pele em 4 categorias: seca, equilibrada, oleosa e mista, um tipo que apresenta mais oleosidade na chamada “zona T” (testa, nariz e queixo). Produzir uma certa quantidade de sebo, além de ser algo normal, é crucial para a saúde de nossa pele: ele forma uma película que cobre e protege a área, dando coesão e lubrificação ao local. Mas, muitas vezes, esse processo acontece de forma desregulada e por variados motivos, que vão desde a composição genética e desequilíbrios hormonais até uma alimentação desregulada e o uso de produtos inadequados.

Leia também: Sabonete para pele oleosa: veja como cuidar da sua pele

Uma vez presente, o excesso de oleosidade acaba se acumulando sobre a pele e causando aquele visual brilhante indesejado. Isso impede que os poros respirem, muitas vezes tapando-os, e leva ao surgimento de espinhas e cravos.

Quem tem a pele oleosa experimenta essa condição continuamente e precisa tomar cuidados adicionais para controlar a oleosidade. Esfoliar o rosto é uma delas!

 

 

O que acontece se eu não esfoliar o rosto?

Sem a devida rotina de esfoliação do rosto, a tendência é que a pele da região acumule cada vez mais resíduos, formando uma capa de células mortas, gordura, restos de produtos (maquiagem e cremes, por exemplo) e impurezas do ar, como partículas de poluição. Não precisamos dizer que isso não é nada bom, certo?

Com a falta de esfoliação, essa barreira dificulta que a pele “respire” e leva aos problemas que já citamos: poros obstruídos, acne, cravos e um aspecto indesejado.

Além disso, remover as células mortas com um esfoliante para o rosto também ajuda a dar um aspecto mais uniforme para a derme, tanto visual quanto ao toque, e até ajuda a suavizar manchinhas e outras marcas no tecido da pele ao aumentar seu metabolismo.

 

O que fazer depois de esfoliar o rosto?

Lembre-se que sua pele passou por um procedimento abrasivo e está mais sensível. Portanto, é bom ter cautela: as peles oleosas podem realizar a esfoliação até 2 vezes por semana, se necessário. Já quem tem pele equilibrada ou seca não deve passar de 1 esfoliação semanal.

Após a esfoliação, é importante ter alguns cuidados especiais, como evitar a exposição à luz solar forte logo após a esfoliação, por exemplo, e sempre se proteger com um filtro solar (e isso independentemente de você ter feito uma esfoliação recente ou não). Também é preciso ter muito cuidado com a aplicação de outros produtos que fazem parte de seu skincare, especialmente aqueles de perfil mais ácido. O melhor é deixar para outro dia.

Outro cuidado essencial após utilizar um esfoliante para o rosto é realizar uma ação de hidratação para ajudar a camada esfoliada a se recuperar, reter água e eliminar qualquer risco de ressecamento excessivo e efeito rebote. Usar um tonificante após a esfoliação e antes da hidratação também pode ser interessante, potencializando os efeitos. Quem tem a pele mais sensível pode trocar o tônico por uma solução micelar. O importante é usar produtos alinhados ao seu tipo de pele, tá?

 

Por que esfoliar o corpo?

A pele do rosto costuma ser mais sensível que outras regiões do seu corpo, mas isso não significa que você deva abrir mão de uma boa esfoliação corporal. Assim como na face, esfoliar outras áreas do seu corpo também traz benefícios para a saúde da pele e deve fazer parte de suas práticas de cuidado pessoal. 

Primeiro, é preciso saber que, mesmo menos expostas que o rosto, a pele de outros locais do corpo também acabam acumulando impurezas e resíduos com o dia a dia. Por isso, nada melhor que uma esfoliação de tempos em tempos para renovar esses tecidos e proporcionar uma limpeza profunda.

Tem mais: a esfoliação corporal também é capaz de ativar e estimular a microcirculação sanguínea nessas áreas, o que, por si só, já é algo muito benéfico para sua saúde.

A dica é ir com calma em áreas mais sensíveis, como o colo, e caprichar na esfoliação de partes do corpo como pés, mãos, joelhos e cotovelos, por serem áreas mais ricas em queratina, cujo excesso precisa ser removido para não deixar a pele da região com aspecto endurecido e sem vitalidade. Também vale lembrar que é possível fazer a esfoliação capilar, uma prática que ajuda a controlar a oleosidade excessiva no cabelo.

 

Quais são os tipos de esfoliantes?

A divisão principal e mais básica entre os tipos de esfoliantes seria entre os faciais e os corporais, com formulações e composição específicas para esses dois usos. 

Além disso, também existem apresentações variadas, na forma de creme, gel, loção, esponja ou sabonete e, claro, composições diversas: alguns podem conter ingredientes calmantes, anti-inflamatórios, hidratantes e antissépticos para promover a higienização sem agredir o tecido cutâneo.

Existem tipos de esfoliante para o rosto formulados para cada tipo de pele. Os mais poderosos são aqueles voltados às peles oleosas, que precisam de um efeito mais intenso e duradouro para controlar o excesso de gordura, e os mais suaves são os esfoliantes para pele seca, que precisa de uma ação muito leve e delicada para evitar coceira, irritabilidade, vermelhidão e sensação de repuxamento na área de aplicação. É muito importante utilizar um esfoliante para o rosto adequado ao seu tipo de pele!

Os esfoliantes podem agir na sua pele a partir de processos mecânicos ou químicos. Os esfoliantes de ação mecânica cumprem sua função por meio de grânulos – menores para o rosto, maiores para o corpo – em sua composição que atritam a pele e removem sujeiras e células mortas. Já os produtos que apostam na esfoliação química, contêm agentes de ação mais profunda, como o ácido glicólico e o salicílico, e tendem a ser mais potentes, geralmente indicados para ajudar a controlar o excesso de oleosidade. Muitos produtos misturam as duas ações em uma mesma aplicação.

Por fim, também podemos dividir os esfoliantes entre aqueles produzidos por empresas de cosméticos e os caseiros, feitos a partir de receitas compartilhadas entre as pessoas. É legal lembrar que alguns produtos industriais incluem pequeninas esferas plásticas como agentes esfoliantes em suas formulações: são os temidos microplásticos que, após o enxágue, inevitavelmente irão cair no esgoto e chegar até os rios e mares, causando uma lista enorme de problemas ambientais.

 

 

Por isso, muita gente experimenta produzir seu próprio esfoliante corporal caseiro, e também há muitas fórmulas na internet indicando como fazer esfoliante caseiro para o rosto, utilizando ingredientes como sal, açúcar e fubá (por conta de seus pequenos grânulos) em composições com mel, iogurte e óleos.

Uma das receitas caseiras mais conhecidas é o esfoliante para rosto com café, mas é preciso que se faça o alerta: além de não ter eficácia comprovada, sempre existe o risco de esfoliantes caseiros para o rosto e seus ingredientes causarem alergias ou mancharem a pele quando expostos ao sol. Elementos usados nessas receitas, como o sal grosso e o açúcar cristal, cujas partículas esfoliantes costumam ser bastante pontiagudas, podem ser muito agressivos com a pele também. 

Por isso, vale a pena repetir mais uma vez: é importante ter muita atenção com a escolha do tipo de esfoliante para o rosto, levando sempre em consideração qual opção é a melhor para sua pele e para sua saúde.

Alguns produtos recém-chegados ao mercado da esfoliação facial já conseguem oferecer essa abordagem mais natural aliada a uma segurança dermatológica e ação comprovada que tornam seu uso bastante recomendado. Aqui na B.O.B, por exemplo, desenvolvemos uma linha de limpadores faciais em barra, que são perfeitos para cuidar da sua pele, não importa qual seja o tipo, com mais naturalidade, mas sem deixar de lado o efeito esfoliante que você tanto deseja. 

 

esfoliante de rosto

 

Barra de limpeza facial para Peles Equilibradas

O Limpador Facial Pele Equilibrada, por exemplo, é um produto da B.O.B que remove as impurezas diárias e as células mortas ao promover uma micro-esfoliação suave, não-agressiva, mais apropriada para as necessidades desse tipo de pele.

Combinadas, a Argila Amarela e a farinha de Casca de Laranja purificam e limpam profundamente os poros, mas sem ressecar ou causar irritação. Com propriedades remineralizantes e antioxidantes, a combinação combate o aspecto cansado, revitalizando e trazendo viço e luminosidade para a pele. 

Para completar, o Óleo de Jojoba mantém a hidratação e preserva a oleosidade natural (ou seja: nada daquele efeito repuxado), que é fundamental para uma pele saudável e bem-cuidada.

 

esfoliante

 

Cuidar da pele e do planeta

Os limpadores faciais da B.O.B, assim como todos os nossos produtos, são veganos, naturais, livres de qualquer crueldade animal e, sim, totalmente livres de plástico também. Isso significa algumas coisas: primeiramente, você sabe que está utilizando como esfoliante para o rosto um produto com ingredientes naturais, sem agentes químicos nocivos que podem causar danos à sua pele e poluir rios e leitos d’água ao entrar no sistema de saneamento.

Nossos limpadores faciais são barrinhas sólidas, práticas e super charmosas, que não precisam ser embaladas em garrafas e outros frascos plásticos cujo destino, sem o descarte correto, será se juntar aos 8 milhões de toneladas de poluição plástica que vão parar nos oceanos a cada ano.

Nem precisamos dizer que nossos limpadores faciais usam como agente esfoliante grânulos de ingredientes naturais -– argila e casca de laranja, por exemplo  –  ao invés de microplásticos, né? Bom, mas dissemos mesmo assim!

Cuidar da pele e do planeta precisa fazer parte de nossa rotina diária, e com os Limpadores Faciais da B.O.B, você faz isso ao mesmo tempo, com muita praticidade e com resultados incríveis! Experimente e deixe seu comentário para nos contar o que achou! :)

deixe um comentário

nossos produtos